Precisa de ajuda?

+ 55 11 3706-2995
[email protected]

Livro Impresso

Lógicas de exceção



Pontel, Evandro (Autor)

Giorgio Agamben, Filosofia, Política, Biopolítica, Ética


Sinopse

Breve apresentação da presente obra, intitulada Lógicas de exceção - A condição humana e a política entre a vida (nua) e o (bio)poder no
pensamento de Giorgio Agamben, que resulta da pesquisa elaborada durante o período de doutoramento em Filosofia (2015-2018) – realizado na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), sob a orientação do Prof. Dr. Ricardo Timm de Souza. Este livro visa apresentar
uma exposição que contempla o conjunto da obra do pensador italiano, embora não sem a difícil tarefa de fugir à banalização de categorias elaboradas por Giorgio Agamben, tais como: ‘estado de exceção’, ‘profanação’, ‘vida nua’, que se constitui no campo de uma abordagem introdutória ao seu pensamento e, mais especificamente, acerca do projeto homo sacer, suas questões fulcrais, suas implicações e seus desencadeamentos para os tempos que correm. Esse desafio de (re)pensar a contemporaneidade, de colocar em questão a vida sob o espectro da governamentalização biopolítica e do estado de exceção tornado regra, apresenta-se como a tarefa por excelência da filosofia que vem e do pensamento enquanto
antídoto à idolatria de lógicas totalizantes, contrapondo-se à crescente espiral de violências biopolíticas presentes na textura da realidade em que vivemos em pleno século XXI.

Metadado adicionado por Tirant Lo Blanch Brasil em 15/12/2020

Encontrou alguma informação errada? Perguntar para a Tirant Lo Blanch Brasil

ISBN relacionados

9786559080113 (ISBN do e-book em PDF)


Metadados completos:

  • 9786559080069
  • Livro Impresso
  • Lógicas de exceção
  • --
  • 1 ª edição
  • --
  • --
  • --
  • --
  • --
  • --
  • Pontel, Evandro (Autor)
  • Giorgio Agamben, Filosofia, Política, Biopolítica, Ética
  • Educação
  • LAW000000, POL000000, PHI000000
  • 2020
  • 11/12/2020
  • Português
  • Brasil
  • --
  • Livre para todos os públicos
  • 16 x 23 x 2 cm
  • 0.373 kg
  • Brochura
  • 242 páginas
  • R$ 70,00
  • 49019900 - livros, brochuras e impressos semelhantes
  • 9786559080069
  • 9786559080069
  • --

Sumário

AGRADECIMENTOS.......................................................................................9
EPÍGRAFE.......................................................................................................11
PREFÁCIO.......................................................................................................13
1. FONTES DO PENSAMENTO E CRÍTICA DO PRESENTE: UMA ANÁLISE DA CULTURA OCIDENTAL ........................................................15
1.1 FONTES DO PENSAMENTO E APROXIMAÇÕES METODOLÓGICAS.............................................................................15
1.2 A AUSÊNCIA DA PRESENÇA: A OBRA DE ARTE
E O HOMEM SEM CONTEÚDO........................................................25
1.3 O INAPREENSÍVEL: A ESTÂNCIA DA CRÍTICA........................31
1.4 INFÂNCIA E HISTÓRIA: A DESTRUIÇÃO DA EXPERIÊNCIA.39
1.5 O LUGAR DA NEGATIVIDADE: A LINGUAGEM E A MORTE..44
2. O EMERGIR DA (BIO)POLÍTICA NO OCIDENTE................................53
2.1 A CENTRALIDADE DA VIDA NA POLÍTICA DO OCIDENTE.53
2.2 MICHEL FOUCAULT – O EMERGIR DA BIOPOLÍTICA
NO LIMIAR DA MODERNIDADE.....................................................59
2.3 GIORGIO AGAMBEN – BIOPOLÍTICA ENQUANTO
(RE)PRODUÇÃO DA VIDA NUA........................................................71
3. A MÁQUINA GOVERNAMENTAL: EXCEÇÃO, SOBERANIA
E GOVERNAMENTALIDADE.......................................................................95
3.1 VIDA E DIREITO: ESTADO DE EXCEÇÃO
E A GUERRA COMO PARADIGMA POLÍTICO................................96
3.2 A VIDA QUE RESTA E O CAMPO:
O INDIZÍVEL E O TESTEMUNHO..................................................111
3.3 PARADIGMA (OIKONÔMICO) ECONÔMICO
DE GOVERNO DA VIDA...................................................................118
3.4 OFFICIUM E DEVER: O LEGADO OPERATIVO
NA ESTRUTURAÇÃO DA ONTOLOGIA OCIDENTAL..................131
4. POLÍTICA, INOPEROSIDADE E FORMA-DE-VIDA NA PERSPECTIVA DE UMA ONTOLOGIA DA VIDA...............................................................145
4.1 A VIDA ENQUANTO POTÊNCIA QUE
EXCEDE SUAS FORMAS...................................................................146

4.2 POR UMA FORMA DE VIDA INAPROPRIÁVEL:
A EXPERIÊNCIA FRANCISCANA.....................................................163
4.3 POR UMA TEORIA DO USO......................................................175
4.4 POR UMA FORMA-DE-VIDA: REVERSO E
CONTRAPONTO À VIDA EXPOSTA E SUJEITADA.......................193
4.5 POR UMA ONTOLOGIA DA VIDA............................................202
CONSIDERAÇÕES (IN)CONCLUSIVAS....................................................213
REFERÊNCIAS .............................................................................................221