Precisa de ajuda?

+ 55 11 3706-2995
[email protected]

Livro Impresso

Introdução à criminologia
uma aproximação desde o poder de julgar



Anitua, Gabriel Ignacio (Autor), Gloeckner, Ricardo Jacobsen (Coordenador), Sohngen, Clarice Beatriz (Coordenador), Amaral, Augusto Jobim Do (Coordenador)

criminologia, introdução, direito, penal


Sinopse

PREFÁCIO À EDIÇÃO BRASILEIRA

APRESENTAÇÃO À EDIÇÃO BRASILEIRA

INTRODUÇÃO

CAPÍTULO 1

AS ORIGENS DAS ESTRUTURAS JUDICIAIS

CAPÍTULO 2

O PODER DA JURISDIÇÃO COMO ATRIBUTO DA SOBERANIA

CAPÍTULO 3

A REFORMA LIBERAL E O JUIZ DA LEI

CAPÍTULO 4

O PODER DOS JUÍZES E O MODELO DA “INDEPENDÊNCIA”

CAPÍTULO 5

O ATIVISMO JUDICIAL NO ESTADO SOCIAL E SUA CRISE

CAPÍTULO 6

A “JUSTIÇA ATUARIAL”: O MODELO DA JUSTIÇA NEGOCIADA

PALAVRAS FINAIS

OBRAS CITADAS

Metadado adicionado por Tirant Lo Blanch Brasil em 10/12/2020

Encontrou alguma informação errada? Perguntar para a Tirant Lo Blanch Brasil

ISBN relacionados

9788594771926 (ISBN do e-book em PDF)


Metadados completos:

  • 9788594771698
  • Livro Impresso
  • Introdução à criminologia
  • uma aproximação desde o poder de julgar
  • 1 ª edição
  • --
  • --
  • --
  • --
  • --
  • --
  • Anitua, Gabriel Ignacio (Autor), Gloeckner, Ricardo Jacobsen (Coordenador), Sohngen, Clarice Beatriz (Coordenador), Amaral, Augusto Jobim Do (Coordenador)
  • criminologia, introdução, direito, penal
  • Educação
  • SOC004000
  • 2018
  • 06/07/2018
  • Português
  • Brasil
  • --
  • Livre para todos os públicos
  • 15 x 23 x 1 cm
  • 0.24 kg
  • Brochura
  • 161 páginas
  • R$ 80,00
  • 49019900 - livros, brochuras e impressos semelhantes
  • 9788594771698
  • 9788594771698
  • --

Sumário

PREFÁCIO À EDIÇÃO BRASILEIRA

APRESENTAÇÃO À EDIÇÃO BRASILEIRA

INTRODUÇÃO

CAPÍTULO 1

AS ORIGENS DAS ESTRUTURAS JUDICIAIS

CAPÍTULO 2

O PODER DA JURISDIÇÃO COMO ATRIBUTO DA SOBERANIA

CAPÍTULO 3

A REFORMA LIBERAL E O JUIZ DA LEI

CAPÍTULO 4

O PODER DOS JUÍZES E O MODELO DA “INDEPENDÊNCIA”

CAPÍTULO 5

O ATIVISMO JUDICIAL NO ESTADO SOCIAL E SUA CRISE

CAPÍTULO 6

A “JUSTIÇA ATUARIAL”: O MODELO DA JUSTIÇA NEGOCIADA

PALAVRAS FINAIS

OBRAS CITADAS